Vinicius Ribeiro - Deputado Estadual pelo PDT nº 12612

Projeto de Lei nº 63/2016

O projeto dispõe sobre a produção e a comercialização do queijo artesanal serrano, no Estado do Rio Grande do Sul.

Vinicius Ribeiro Projetos e Leis 257 views 8 min. de leitura

Projeto de Lei nº 63/2016
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Uma tradição de mais de 200 anos nos Campos de Cima da Serra foi finalmente reconhecida pela Assembleia Legislativa.  O Queijo Artesanal Serrano agora possui legislação própria que trata da sua produção e comercialização no Rio Grande do Sul, aprovada pela Assembleia Legislativa por meio do projeto de lei 63/2016 do Deputado Estadual Vinicius Ribeiro - PDT.

Dentre os objetivos do projeto estão fortalecer e agregar mais valor ao produto, garantir a formalidade da produção e preservar a sua história, a cultura e a tradição do queijo artesanal serrano. O projeto prevê que o queijo deve ser produzido na origem do leite, com leite cru e recém ordenhado, preservando o modo tradicional e mantendo a qualidade do produto.

Segundo Vinicius a aprovação do projeto representa o coroamento de um trabalho de uma década do Emater em parceria com os sindicatos e produtores. “É uma segurança à produção e comercialização do produto, reconhece a história e a cultura deste processo centenário e também é um incentivo a permanência do jovem no campo, afinal estamos agregando valor a um produto na sua origem, auxiliando assim a economia local e a valorização dos produtores”, disse Vinicius

João Carlos Santos da Luz, Supervisor Regional da Emater/RS, considera que "Essa legislação coroa um trabalho de muitos anos que já vem sendo realizado pela Emater desde 2000. Auxilia no resgate da história e a importância do queijo serrano para as famílias que o produzem. A lei protege a produção, a cultura e o saber fazer, garantindo a segurança da originalidade do produto e sua respectiva qualidade"

Para conferir todas as informações referentes ao projeto clique aqui.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui: